home / Cátedra / eventos / publicações / Grupo de São Bernardo / projetos / contato

 

Rede Alcar

 
 

REDE ALCAR
Rede Alfredo de Carvalho para o resgate da memória e
a construção da história da imprensa no Brasil

Mídia Brasileira: 2 Séculos de História

Tema central do

I ENCONTRO NACIONAL DA REDE ALFREDO DE CARVALHO

Rio de Janeiro, 1-5 de junho de 2003

Evento promovido pela Rede Alfredo de Carvalho para a Preservação da Memória e a Construção da História da Imprensa no Brasil

Parceria institucional:

ABI, ABL, IHGB, ABECOM, INTERCOM, UERJ, UniCarioca

Apoio cultural:

Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro

Cátedra UNESCO/UMESP de Comunicação

Revista IMPRENSA / IHGRJ

Comissão organizadora:

Ana Arruda Callado, Claudia Chaves, Esther Bertoletti, Cybelle de Ipanema,

José Marques de Melo e Sonia Virginia Moreira

Comitê acadêmico:

Carmen Lúcia Pereira, Denílson Botelho, Marialva Barbosa, Marco Morel, Lucia Maria Bastos e Tânia Bessone

Secretária-executiva:

Anna Pimentel

Inscrição de trabalhos: redealfredocarvalho@unicarioca.edu.br

Os participantes do I Encontro da RedeAlcar

poderão inscrever trabalhos em 3 categorias:

1) Iniciação Científica (Estudantes de Gradução),

2) Comunicação Científica (Professores, Pesquisadores, Pós-Graduandos)

3) Memória (Profissionais e Empresários)

Calendário: extos completos até 12/Maio

Programa preliminar:

 

Dia 1, domingo

Local: UniCarioca – Av. Paulo de Frontin, 568 – Rio Comprido

9-11h – Entrega de pastas aos inscritos previamente e reabertura das inscrições para novos participantes

11h- Abertura do Encontro

Presidente: Reitor Celso Niskier (UniCarioca)

Coordenadora: Claudia Chaves (UniCarioca)

11h30-13h – Plenária da RedeAlcar

"Inventário e Articulação dos projetos desenvolvidos pelos grupos integrantes da RedeAlcar"

Coordenadora: Esther Bertoletti (MINC)

Expositores: Marialva Barbosa (Rio de Janeiro), Luis Guilherme Pontes Tavares (Bahia), Francisco Karam (Santa Catarina), Juçara Brittes (Espírito Santo), Sandra Freitas (Minas Gerais), José Marques de Melo (São Paulo)

13h –15h – Intervalo para almoço

15-18 h - "História da Mídia Brasileira: o avanço da pesquisa"

Coordenadora: Carmen Lucia Pereira

GT1 – História da Mídia Impressa (Jornal, Revista, Livro)

Coordenadora: Marialva Barbosa (UFF)

O Jornalista do Progresso: Cásper Líbero e a Modernização da Prática Jornalística Brasileira – Gisely Hime (UniFIAM – Centro Universitário Alcântara Machado – SP)

Percursos do Jornalismo no Espírito Santo: Correio da Victória, o primeiro jornal capixaba – Ruth Reis (UFES -Universidade Federal do Espírito Santo - ES)

Imprensa Sindical no Grande ABC – Valdenizio Petrolli (Prefeitura Municipal de São Caetano do Sul – SP)

A Página Feminina d`A Gazeta (1929-1943): inciativa pioneira acompanha luta da brasileira pela cidadania - Gisely Hime (UniFIAM – Centro Universitário Alcântara Machado – SP)

Notícia da primeira entrevista jornalística – João de Deus Correia (Universidade Estácio de Sá – RJ)

Línguas cortadas: imprensa, censura e liberdade no Brasil e em Portugal – Euclides Santos Mendes (UESB - Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia – BA)

História da Imprensa Paulista: inventário bibliográfico analítico – Gisely Hime, Ana Flávia Soares Pinheiro e Luciana Ferreira de Magalhães (UniFIAM – Centro Universitário Alcântara Machado – SP)

Imprensa de Corumbá: história e política – Mirella Bernard e Gerson Martins (Faculdade Estácio de Sá, Campo Grande - MS)

Imprensa da saudade: a mídia dos migrantes brasileiros nos Estados Unidos – Ernane Rabelo (UFMG – Universidade Federal de Minas Gerais e PUCMinas – MG)

Imprensa e espaço público: o processo de institucionalização do jornalismo no Brasil (1808-1964) – Lavina Madeira Ribeiro , (UnB – Universidade de Brasília)

A reforma do Diário Carioca na década de 50 – Izamara Barros Machado (UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro)

Corpo e mídia: fragmentos da imprensa feminina no Brasil – Adriana Braga (UNISINOS – Universidade do Vale dos Sinos – RS)

Imprensa piauiense: atuação pública no século XIX – Ana Regina Barros Rego Leal (UFPI – Universidade Federal do Piauí- PI)

A história dos jornais como fonte para a historia da língua – Marlos de Barros Pessoa (UFPE – Universidade Federal de Pernambuco – PE)

Nas tramas do poder: a história do jornal O Conciliador do Maranhão (1821-1823) – Roseane Arcanjo Pinheiro (AMI – Associação Maranhense de Imprensa)

O jornalismo como arma: O Jornal, uma história cearense – Ane Katerine Néri (CENSUP – Salto – SP)

Portugal, da Inquisição aos Cravos – Euclides Santos Mendes (UNESB – Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia – BA)

Correio Braziliense: do pioneirismo à consolidação – Ana L. F. Morelli (UnB – Universidade de Brasília – DF)

Subcultura do jornalismo brasiliense – Joaquim Nogales Vasconcelos (UnB – Universidade de Brasília – DF)

A Censura à Imprensa no Brasil – Euclides Santos Mendes (UNESB – Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia – BA)

O Jornal de Maringá: a história do primeiro jornal de Maringá – Éster Cristiane da Silva (Centro Universitário de Maringá – PR)

O jornalismo político brasileiro no século XIX – MaurícioGuidani Romanini (Centro Universitário Barão de Mauá – SP)

De remador a comandante de longo curso: trajetória jornalística de João Calmon – Juçara Brittes e Rachel Silva (Universidade Federal do Espírito Santo – ES)

GT2 – História da Mídia Sonora (Rádio, Disco)

Coordenadora: Sonia Virgínia Moreira (UERJ)

O lugar do rádio na construção do imaginário de uma época – Marta Regina Maia (UNIMEP - Universidade Metodista de Piracicaba – SP)

Evolução do Rádio Paraibano, 1931-1998 – Moacir Barbosa de Sousa (UFPB – Universidade Federal da Paraíba – PB)

O rádio ontem e hoje: promotor de educação e de cultura – Zeneida Alves de Assumpção (UEPG – Universidade Estadual de Ponta Grossa – PR)

A Guerra dos Mundos em São Luis do Maranhão – Ed Wilson Ferreira Araújo (UFMA – Universidade Federal do Maranhão – MA)

A canção das mídias: história e memória do disco através de um gênero musical – Heloisa de Araújo Duarte Valente (UNISANTOS – Universidade Católica de Santos – SP)

GT3 – História da Mídia Visual (Fotografia, HQ, Cartazes)

Coordenador: Sonia Luyten (UNISANTOS)

Preservando a Memória dos Quadrinhos:a contribuição do Diretório Geral das Histórias em Quadrinhos no Brasil – Waldomiro Vergueiro (USP - Universidade de São Paulo – SP)

O Quadrinho Histórico Brasileiro no final da década de 1950 – Alexandre Valença Alves Barbosa ((USP - Universidade de São Paulo – SP)

As charges no jornalismo impresso maranhense no século XIX (1876-1880) – Francisco das Chagas Frazão Costa Filho (Faculdade São Luis – MA)

Correio Braziliense: uma parceria discursiva com o leitor (o discurso gráfico antes e depois de fevereiro de 1994) – Patrícia de Oliveira Luz (UNISO – Universidade Salgado de Oliveira )

Humor em Tempo de Guerra: Da perda da função crítica e ideológica dos cartuns (Belmonte x Hitler e os cartuns globalizados sobre a guerra dos EUA e Iraque) – André Tittes (UNISANTOS – Universidade Católica de Santos)

Quadrinhos e cartuns na memória afro-brasileira: o negro pelo negro – Elaine de Souza Almeida Oliveira da Silva (UMESP – Universidade Metodista de São Paulo – SP)

GT4 – História da Mídia Audiovisual (Cinema, Televisão)

Coordenador: Marlene Blois (UniCarioca)

A "Esfinge do Século": expectativas e temores de nossos homens de letras diante do surgimento e expansão da TV (1950-1980) – João Freire Filho (UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro – RJ)

Inovação e movimentos estruturantes da fase de multiplicidade da oferta da TV brasileira – Valério Cruz Brittos (UNISINOS – Universidade do Vale dos Sinos – RS)

História Comparada do Telejornalismo: Brasil/Espanha - Ruth Vianna (UFMS – Universidade Federal de Mato Grosso do Sul)

História da Televisão Amazonense – Eula Dantas Taveira Cabral (Universidade Estácio de Sá – RJ)

Canais locais de informação na TV paga: o modelo TVCOM de Porto Alegre – Eliane Corti Basso (UMESP – Universidade Metodista de São Paulo – SP)

A trajetória do telejornalismo em Pernambuco – Aline Maria Grego Lins (UNICAP – Universidade Católica de Pernambuco – PE)

A influência da televisão regional e educativa na região do Grande ABC – Domingo Glenir Santarnecchi (FAENAC – Faculdade Editora Nacional de São Caetano do Sul – SP)

História do cinema ambulante em São Luis – Marcos Fábio Belo Matos (Faculdade São Luis – MA)

Cinema em casa: 20 anos de cinema brasileiro na TV aberta nacional – Antonio de Andrade e Sandra Reimão (UMESP – Universidade Metodista de São Paulo – SP)

Aparelhos [ópticos do século XIX: a chegada do cinema no Brasil e a formação do espectador moderno – Cristina Miranda (UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro – RJ)

Copa do Mundo no Brasil: a dimensão histórica de um produto midiático – Edison Gastaldo (UNISINOS – Universidade do Vale dos Sinos – RS)

A terra estrangeira ou o cinema dos anos 90 em busca de uma identidade – Miriam de Souza Rossini (UNISINOS – Universidade do Vale dos Sinos – RS)

50 anos de televisão: um inventário da programação infantil – Lara Maria (UMESP – Universidade Metodista de São Paulo – SP)

GT5 – História da Mídia Digital (Web e NTCs)

Coordenador: Antonio Brasil (UERJ)

O rádio e sua sintonia com novas mídias – Maria Gorete Linhares, Marizete Silva e Wilma Moraes (UFPE – Universidade Federal de Pernambuco – UFPE)

A Gazeta Mercantil na era digital – Hércia Lene (FAESA – Faculdades Associadas do Espírito Santo – ES)

O processo de consolidação dos jogos eletrônicos como modelo de mídia: um mapeamento histórico – Gláucio Aranha (ICC – Instituto de ciências Cognitivas)

Da divulgação científica à utopia da mídia: o papel das publicações de ficção-científica na associação entre a tecnologia e os mass media – Rodrigo Fernández Labriola (UFF – Universidade Federal Fluminense – RJ)

Arena eletrônica: os partidos na internet – Lívio Sakai (UMESP – Universidade Metodista de São Paulo – SP)

O papel da internet como meio de preservaçõ da memória das histórias em quadrinho brasileiras – Sidney Gusman (Editor do Universo HQ, Conrad Editora)

GT6 – História da Mídia Persuasiva (Publicidade, RP)

Coordenador: Adolpho Queiroz (UMESP)

Cultura global: nova perspectiva de cidadania ou simplesmente "marketing cultural" ? – Telenia Hill (UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro – RJ)

Relações Públicas no Brasil: de Eduardo Pinheiro Lobo a Candido Teobaldo de Souza Andrade – Mirtes Vitoriano Torres (FAPEAL – Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas – AL)

As primeiras eleições midiáticas no Brasil: um estudo acerca da campanha para a Presidência da República em 1989 – Ana Paula Andrade e Jen Marcelo Carvalho França (UNESP – Universidade Estadual Paulista – Campus de Franca – SP)

Assim diz o Senhor ! – Herbert Rodrigues de Souza (UMESP – Universidade Metodista de São Paulo – SP)

A formação dos grupos de comunicação – Débora Cristina Tavares (UMESP – Universidade Metodista de São Paulo – SP)

A Propaganda no Rádio Brasileiro: gêneros e formatos – Nahara Cristine Mackovics (Centro UniversitárioBarão de Mauá – SP)

A indicação e a posse do Presidente Médici na revista Manchete – Kleber Carrilho ((UMESP – Universidade Metodista de São Paulo – SP)

A propaganda política no período de João Goulart: análise comparativa dos jornais "O Estado de S. Paulo" e "Última Hora" – Milton Pimentel Martins ((UMESP – Universidade Metodista de São Paulo – SP)

A propaganda política e a verba secreta destinada à imprensa no final do século XIX – Victor Kraide Corte Real (UMESP – Universidade Metodista de São Paulo – SP)

Do pioneirismo do Marketing no Maranhão à Nova República: A trajetória comunicacional de José Sarney – Paulo César Délboux (Faculdades Integradas Claretianas – SP)

Mala direta e suas características na comunicação mercadológica – José Carlos Bossolo (Centro Universitário Barão de Mauá – SP)

Assis Chateaubriand contra o Governo Castelo Branco – Patrícia Polacow (ISCA – Lorena – SP)

As três faces do horror: Goebels, Hitler e Riefenstahl – Roberto Jimenes (Centro Universitário Alcântara Machado – UniFIAM – SP)

Análise de anúncios sobre o dia internacional da mulher – Rossana Zacaria e Ariane Bárbara Pereira (Universidade Metodista de Piracicaba – UNIMEP)

O Fome Zero e o Marketing Social – Adolpho Queiroz, Greice Kely Pereira, André Gustavo Brandão e Bruno Ricardo (Universidade Metodista de Piracicaba – UNIMEP)

18h –Lançamento de livros:

 

Agata Messina – Cadernos da Comunicação: Memória e Estudos (Secretaria Especial de Comunicação, Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro – RJ)

Ana Arruda Callado – Jenny, Amazona, Valquíria e Vitoria-Régia (DL Brasil, Rio de Janeiro – RJ)

Adolpho Queiroz e Dennis de Oliveira – Jornais Centenários de São Paulo (Degaspari, Piracicaba – SP)

Antonio F. Costella - Breve História Ilustrada da Gravura (Editora Mantiqueira, Campos do Jordão - SP)

Carlos Rizzini - Liberdade de Imprensa (Editora Mantiqueira, Campos do Jordão - SP)

José Marques de Melo - História do Pensamento Comunicacional (Editora Paulus, São Paulo - SP) e Jornalismo Opinativo: Gêneros Opinativos no Jornalismo Brasileiro (Editora Mantiqueira, Campos do Jordão - SP)

Marialva Barbosa – Os donos do Rio: imprensa, poder e público (Vício de Leitura, Rio de Janeiro – RJ)

Marco Morel – Cipriano Barata na Sentinela da Liberdade (Academia de Letras da Bahia, Salvador – BA)

Marcos Matos - ...E o cinema invadiu Athenas – A história do cinema ambulante em São Luis (Prefeitura Municipal de São Luis, São Luis – MA)

Osmar Mendes Júnior – O Despertar da TV – Memórias de um Telespectador Pioneiro (Scortecci, São Paulo – SP)

Sonia Virgínia Moreira – Rádio em transição (Mil Palavras, Rio de Janeiro – RJ)

18h30 - Coquetel de confraternização

Dia 2, segunda-feira

Simpósio: "Resgatando a Memória da Imprensa"

Coordenadora: Ana Arruda Callado (ABI)

Manhã: ABI – Rua Araújo Porto Alegre, 71 – Castelo

9h-12h - Painel 1 – Auditório da ABI

Tema: Jornalistas Esquecidos – Moderador: Milton Coelho da Graça (ABI)

Tarde – ABL –: Av. Presidente Wilson, 203

15h-17h - Painel 2 – Auditório da ABL

Tema: Jornalistas Imortalizados – Moderador: Alberto Venâncio Filho (ABL)

Noite – UERJ – Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Campus Maracanã – IFCH – Rua São Francisco Xavier, 524 – 9o.andar

Seminário: História e Imprensa

"Representações culturais e práticas de poder"

Comissão organizadora:

Lucia Maria Bastos Pereira das Neves, Tânia Maria Tavares Bessone da Cruz Ferreira e Marco Morel

18h- Abertura do Evento

José Marques de Melo

(Cátedra UNESCO/UMESP - Rede Alfredo de Carvalho)

Conferência:

Ângela de Castro Gomes (CPDOC/FGV – UFF):

Propaganda política, construção do tempo e mito Vargas

Dia 3/06, terça-feira

10h – 12h, Mesa-Redonda: Imprensa, nação e poder no século XIX

  • István Jancsó (USP): O Brasil no reformismo do Correio Brasiliense
  • Wlamir Silva (FUNREI): A Imprensa e a Pedagogia Liberal na Província de Minas Gerais (1825-1842)
  • Marcello Basile (UFRJ): Projetos de Brasil e construção nacional na imprensa fluminense (1831-1835)
  • Marco Morel (coordenador/ UERJ): Em busca de outras palavras: utopia, linguagem e radicalismo político em Antonio Borges da Fonseca.

14h – 16h, Comunicações livres para alunos de Graduação e Graduados, coordenação Oswaldo Munteal (UERJ).

16h – 18h, Comunicações livres para alunos de Pós-Graduação e Pesquisadores, coordenação de Francisco Palomanes Martinho (UERJ).

18h – 20h, Mesa-Redonda: Imprensa e identidades políticas

  • Sandra Brancato (PUCRS): O estabelecimento do Estado Novo no Brasil: Repercussões na imprensa portuguesa
  • Gladys S. Ribeiro (UFF): Causa Nacional e Cidadania. A participação popular e a autonomia na imprensa carioca do início dos anos de 1830.
  • Humberto Fernandes Machado (UFF): Imprensa e identidade do ex-escravo no contexto do pós-abolição
  • Silvia Carla Pereira de Brito Fonseca (UFRJ): Apontamentos para o estudo da linguagem republicana na conformação de identidades políticas na imprensa regencial fluminense
  • Lucia Paschoal Guimarães (coordenadora/UERJ): A identidade nacional nos periódicos especializados: a Revista Trimensal do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro.

Dia 4/06, quarta-feira:

10h – 12h, Mesa-Redonda: Impressos, cultura e sociabilidades

  • Maria Beatriz Nizza da Silva (USP): A Idade d'Ouro do Brasil e as formas de sociabilidade baiana
  • Lucia Bastos Pereira das Neves (UERJ): Panfletos Políticos no Rio de Janeiro: instrumentos da difusão do saber e da formação de sociabilidades modernas (1808-1822).
  • Marcus J. M. de Carvalho (UFPE): Trabalho, política e mais trabalho.
  • Tânia Bessone da Cruz Ferreira (UERJ): Jornais, livros e debates: O Rio de Janeiro no século XIX..

14h – 16h, Comunicações livres para professores e pesquisadores, coordenação Mônica Leite Lessa (UERJ).

16h – 17h30m, Comunicações livres para professores e pesquisadores, coordenação de Maria Emília Prado (UERJ)

17h30m – 20h – Mesa-Redonda: História das mídias no Brasil

  • Ana Maria Mauad (UFF): O Olho da História: fotojornalismo e a invenção do Brasil contemporâneo
  • Aníbal Bragança (UFF): História do livro e história da imprensa: convergências e rupturas
  • Lia Calabre (Fundação Casa Rui Barbosa): Rádio e Política - Um estudo de caso: O Parlamento em Ação.
  • Sonia Wanderley (UERJ): título a definir.
  • Sonia Virginia Moreira (UERJ): Rádio e propaganda de guerra: uma história em movimento.

Dia 5/06, quinta-feira:

10h – 12h30m – Mesa-Redonda: Imprensa, cultura e política

  • Isabel Lustosa (Fundação Casa Rui Barbosa). Hipólito da Costa e o jornalismo da Independência
  • Ivana Stolze Lima (Fundação Casa Rui Barbosa). Cabra gente brasileira do gentio da Guiné. Imprensa, política e identidade Rio de Janeiro, 1831-1833
  • Mônica Pimenta Velloso (Fundação Casa Rui Barbosa). Modernas sensibilidades: as diferentes percepções do moderno nas revistas do Rio de Janeiro. (1900-1920)
  • Antonio Herculano Lopes (Fundação Casa Rui Barbosa). Do monarquismo ao populismo: o Jornal do Brasil na virada para o século XX
  • Joëlle Rouchou (Fundação Casa de Rui Barbosa): Samuel Wainer: carreira jornalística e atuação política.

14h – 16h - Comunicações livres para alunos de Graduação e graduados, coordenação de Edna Maria dos Santos (UERJ).

16h – 18h – Mesa-Redonda: Mídia e representações

  • Marialva Barbosa (UFF): Mídia e História: conexões, emblemas e vestígios do século XX – o reconhecimento do leitor nas fímbrias das narrativas
  • Ana Paula Goulart Ribeiro (UFRJ): Modernização e concentração: a imprensa carioca nos anos 1950-70.
  • Carla Siqueira (PUC/RJ): Sensacionalismo e retórica política nos jornais Última Hora, O Dia e Luta Democrática no segundo governo Vargas (1951-1954)
  • Lená de Medeiros Menezes (coordenadora/UERJ): Civilização x Barbárie: o discurso mediático e a vivência do mito

18h30m - Sessão de encerramento: André Lázaro (presidência da Mesa / UERJ) e exibição do vídeo "Barbosa Lima Sobrinho – 100 anos".

Voltar ao topo